Apple e Samsung multadas

A Apple e a Samsung foram multadas em 15 milhões de euros na Itália,  por motivarem os utilizadores a instalar actualizações que reduzem o desempenho dos seus aparelhos, para fazerem com que os clientes comprassem modelos mais novos.

A multa da Apple é de dez milhões de euros e para a Samsung de cinco milhões de euros. São as coimas europeias mais altas contra fabricantes de smartphones. As investigações que começaram em Janeiro indicam que duas as marcas incentivavam os consumidores a instalar actualizações que não podem ser suportadas nos telefones antigos, tornando-os assim mais lentos.

A Samsung insistentemente propôs aos utentes do modelo Galaxy Note 4 (disponível desde Setembro de 2014) a instalação da versão 6.0 do sistema operativo Android (denominado Marshmallow), quando os aparelhos não estavam preparados para o aceitar, nem os modelos lançados naquela altura. A empresa desmente e diz que vai recorrer.

Segundo as autoridades Italianas, a Apple sugeriu, desde Setembro de 2016 que os donos dos iPhone 6 (colocados no mercado entre 2014 e 2015) instalassem o novo sistema operativo criado pela empresa para o iPhone 7. Em Dezembro de 2017 a Apple reconheceu e lançou uma nova actualização para o resolver o problema, mas foram-lhe imputados  quase uma dezena de processos judiciais na Califórnia, Nova Iorque e Illinois. Os investigadores italianos sustentam que a solução defraudou as espectativas, porque não se avisou que a instalação podia reduzir a rapidez e resposta dos dispositivos telefónicos.

A Apple é acusada também de não informar os utilizadores sobre “características básicas como tempo de vida das baterias dos seus aparelhos e de silenciar as acções para promover a sua durabilidade

notic-4

 

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.